Bruxismo - o que é?

Quando falamos de bruxismo dentário, falamos de uma desordem funcional caracterizada pelo apertar ou ranger dos dentes em movimentos semelhantes aos da mastigação.

Tanto pode ocorrer durante o sono ( tratando-se assim de um distúrbio parafuncional involuntário ) como acordado ( sendo neste caso considerado um distúrbio parafuncional voluntário ), afetando cerca de 15% da população portuguesa.

Causas

Não sendo conhecidas as causas exatas da desordem, fatores como

  • stress continuado;
  • ansiedade excessiva;
  • distúrbios neurológicos ou algumas causas psicológicas podem estar na origem deste transtorno.

Sintomas

Em relação aos seus sintomas, abaixo enumeramos alguns que achamos serem importantes para o diagnóstico da desordem.

  • Dor de cabeça;
  • Sintomas de dor ao nível da articulação temporomandibular que podem incluir dor, estalidos ou até luxação da mesma;
  • Dor, barulhos ou zumbidos nos ouvidos ou sensação de ouvido tapado;
  • Tonturas, vertigens, enjoos ou vômitos;
  • Pode haver também limitação na abertura e fecho da boca.

A realçar o facto de que, os sintomas acima enumerados podem variar bastante de acordo com a severidade do problema e grau de evolução da patologia.

 O ideal será agendar a consulta de Oclusão na Remiclínica.

Consequências

Falando agora das consequências que o bruxismo traz, podemos afirmar que poderão ser mais ou menos nefastas com tendência a se agravarem nos casos onde se verifica uma persistência mais prolongada da desordem.


Temos então a destacar:

  • Problemas na articulação temporomandibular (ATM);
  • Dores de cabeça e de ouvido frequentes;
  • Desgaste prematuro dos dentes com a consequente perda de esmalte dentário assim como eventuais fraturas dos dentes;
  • Sensibilidade dentária excessiva;
  • Hipertrofia dos músculos envolvidos na mastigação, podendo, muitas vezes, verificar-se inflamação dos mesmos. 

Veja o nosso vídeo  com o Dr. João Fonseca, Médico Dentista na Remiclínica, especialista em Reabilitação Estética, Oclusão e Disfunções têmporo-mandibulares.

Caso ainda tenha dúvidas sobre o tema, comente no vídeo por favor, que teremos o maior prazer em esclarecê-lo(a). E não esqueça do nosso "LIKE"!

Marcar uma Consulta
Nome (Obrigatório)
Telémovel (Obrigatório)
Data pretendida (Obrigatório)
Especialidade
Observações
Transcreva os seguintes números: 5918
Fechar
Será contactado pelos nossos serviços logo que possível para confirmar a consulta.
Será contactado pelos nossos serviços logo que possível para confirmar a consulta.