É uma das piores dores que um ser humano pode sentir. 

Resultante da estimulação do nervo dentário, é extremamente incomodativa podendo ser aguda e fininha muito forte ou moderada. Pode-se dar num ou mais dentes e atingir até o ouvido ou o maxilar.

Quais são então as suas causas?

A mais comum é sem sombra de dúvida a presença de cárie resultado de uma má higiene oral. Contudo salientamos pontos como:

• gengivite ou inflamação da gengiva causada pelo excesso de placa bacteriana;

• sensibilidade dentária;

• bruxismo;

• abcessos na gengiva;

• desgaste do esmalte dentário;

• após uma desvitalização dentária;

• nascimento ou a erupção de dentes nos bebés.

A escovagem dos dentes a seguir às refeições é da maior importância já que a causa comum para o aparecimento da dor é a falta de higiene dentária, removendo assim a placa bacteriana evitando a destruição do esmalte.

Tratamento? Sim! Dependendo das causas… 

Será imprescindível a ida ao dentista com uma análise geral da sua boca a ser feita pelo médico, a utilização de meios de diagnóstico complementares como a imagiologia ou radiografia, por forma a observar tecidos gengivais, raízes e possíveis cáries, e desta forma encontrar a solução para o seu problema.

Importante realçar que medicamentos como aspirina, paracetamol ou anti-inflamatório apenas aliviam a dor mas não a tratam realmente. 

Remoção de uma cárie, drenagem de um abcesso ou desvitalização de um dente são procedimentos clínicos possíveis para a solução do problema.

Marcar uma Consulta
Nome (Obrigatório)
Telémovel (Obrigatório)
Data pretendida (Obrigatório)
Especialidade
Observações
Transcreva os seguintes números: 4351
Fechar
Será contactado pelos nossos serviços logo que possível para confirmar a consulta.
Será contactado pelos nossos serviços logo que possível para confirmar a consulta.