Quando falamos de anestesia numa consulta dentária, falamos de uma etapa auxiliar, que normalmente é executada antes de alguns procedimentos, com o objetivo de amenizar a dor. 

A forma mais comum é a anestesia local, o que significa que ela age em partes da boca, sem levar o paciente à perda de consciência. O efeito normalmente dura entre duas a três horas após a injeção.

Como é o procedimento?

1. O dentista começa por secar parte de sua boca com ar ou com rolos de algodão;
2. Em seguida, passará na área um gel para deixar a pele dormente; 
3. Por fim, injetará lentamente o anestésico local no tecido da gengiva sem que você sequer sinta a picada da agulha. 

O efeito de uma anestesia local pode durar várias horas e poderá ter dificuldades para falar com clareza e para comer ou beber na primeira meia hora. Pode também correr o risco de se trincar acidentalmente causando uma ferida na mucosa ou na língua que só se dará conta mais tarde. Por isso, é tão importante aguardar que o efeito da anestesia passe antes de comer.

Efeitos colaterais da anestesia dentária

  • Dormência sentida além da parte da boca anestesiada;
  • Hematoma, isto é, inchaço com acúmulo de sangue, que pode ocorrer caso a agulha atinja um vaso sanguíneo no momento da injeção;
  • Incapacidade de piscar o olho;
  • Arritmia cardíaca – A anestesia pode elevar seu ritmo cardíaco durante um minuto ou dois. Certifique-se de mencionar isso ao seu dentista caso perceba.
Marcar uma Consulta
Nome (Obrigatório)
Telémovel (Obrigatório)
Data pretendida (Obrigatório)
Especialidade
Observações
Transcreva os seguintes números: 3421
Fechar
Será contactado pelos nossos serviços logo que possível para confirmar a consulta.
Será contactado pelos nossos serviços logo que possível para confirmar a consulta.